Crônica dissertativa "Desmistificando o perdão" (09/03/2016)

 

Início

Luz, palavra, voz e movimento (seus)

Sob uma proposta lúdica, mas não menos compromissada com os valores inerentes a este trabalho, Poetinha Igor (aderindo ao chamamento carinhoso usado por algumas amigas leitoras) representa aquele lado mais ousado, passional e franco que todos possuímos, exercitado nas constantes publicações e mesmo confissões feitas, sugerindo aos leitores a reflexão e a argumentação como práticas não só diárias, mas divertidas, produtivas e enriquecedoras, mesmo que a maioria dos temas seja aparentemente sério, e que algumas afirmações sejam aparentemente óbvias em demasia, nenhum texto é publicado com displicência ou agravo, afinal as descobertas e conclusões que inspiram frases, poemas, ensaios, contos, crônicas ou canções, são cercadas de alegria, esperança e atenciosa labuta na escolha da palavra certa, para que tenha um efeito positivo e quiçá, transformador.


Editorial completo no Facebook


Novo blog: Sem medo de ser salvo


Frase do dia

Social